importância da comunicação visual

Se você é proprietário de um restaurante deve estar sempre atento para a importância da comunicação visual. Essa afirmação se justifica pelo fato de os estabelecimentos de gastronomia não serem vistos pelas pessoas apenas como um local onde sanam a necessidade de comer, mas sim como um ambiente de socialização e diversão, que precisa proporcionar bons momentos e experiências únicas.

Investir em uma comunicação visual de qualidade, dentro desse contexto, faz com que as pessoas vejam o seu estabelecimento com bons olhos, priorizando ir até ele e não em um concorrente. Portanto, desenvolver a comunicação pode ser uma boa forma para aumentar as vendas do seu restaurante.

Agora que você já tem essa noção, deve estar se perguntando sobre como praticar a comunicação visual em seu restaurante, não é mesmo? Então confira as nossas dicas!

Desenvolva uma identidade visual

Uma identidade visual envolve muito mais do que simplesmente o design do logotipo de uma empresa. Ela é um estudo detalhado de públicos e conceitos que fazem com os layouts possam ser trabalhados estrategicamente.

Esse trabalho envolve a escolha de cores, tipografia, grafismos e outros elementos que devem ser utilizados seguindo um padrão nos materiais da organização. Trata-se do primeiro passo para desenvolver um bom trabalho de comunicação visual em restaurantes.

Deixe o cardápio sempre visível e atualizado

O cardápio é um dos itens fundamentais para o seu estabelecimento, pois é nele que os clientes veem os pratos oferecidos e escolhem as opções que mais agradarem. Por isso, é preciso que ele seja bem desenvolvido, com um layout adequado e impresso em um papel de boa qualidade.

Jamais ofereça ao cliente um calendário rasurado ou com etiquetas coladas para substituir preços que mudaram, por exemplo. Uma solução interessante para evitar que isso aconteça é investir em cardápios digitais, que podem ser alterados digitalmente, sem que isso gere muitos custos com impressão.

Personalize o ambiente com decoração

A decoração do ambiente do seu restaurante também pode ser desenvolvida seguindo os preceitos da sua identidade visual, bem como com os aspectos culturais em que o seu restaurante está envolvido.

Assim, se você tem um restaurante italiano, pode trazer elementos típicos da Itália na decoração; se for japonês, utilize peças decorativas do Japão, etc.

Siga o mesmo padrão em estratégias off-line e on-line

Engana-se quem pensa que apenas as estratégias físicas, ou seja, off-line (como a decoração do ambiente e a placa do letreiro do local) devem seguir os padrões da identidade visual.

Os mesmos preceitos devem ser seguidos também na comunicação on-line, no site responsivo, nas redes sociais, no aplicativo de delivery, entre outros materiais digitais que o restaurante utilize para estabelecer relações com seus públicos.

Powered by Rock Convert

Conseguiu entender um pouco mais sobre a importância da comunicação visual para restaurantes? Então nós temos uma dica extra: não pense apenas na beleza, mas também na funcionalidade para os clientes. Assim, é lucratividade na certa para o seu negócio!

E se você quer saber mais técnicas para chamar mais pessoas para o seu estabelecimento, recomendamos a leitura do artigo “7 dicas de como atrair clientes para seu restaurante”, que traz boas orientações sobre a temática.

 

Powered by Rock Convert

Guia completo de marketing para restaurantes

Alavanque seu negócio com ações imbatíveis de marketing.

Reunimos uma série de informações e dicas valiosas, para você impulsionar seu negócio, posicionar sua marca, atrair e fidelizar novos clientes, tecnologias e ferramentas.

Clique e baixe o ebook grátis

Guia completo de marketing para restaurantes

Para continuar a crescer, o seu estabelecimento precisa se modernizar e contar com um delivery próprio, livre de comissionamentos.

Saia na frente dos seus concorrentes e tenha o seu próprio delivery.

Quero meu Delivery App

ou

Receba uma ligação agoraLigamos em até 10 minutos durante o horário comercial. Sem compromisso.

Sem multas contratuais e tempo mínimo de contrato
Share This